Pressurizadores FLUXOSTATO x PRESSOSTATO

Pressurizadores FLUXOSTATO x PRESSOSTATO

Se você está buscando sobre pressurizadores, você precisa entender a diferença entre as bombas pressurizadoras de fluxostato e pressostato, assim como suas vantagens e desvantagens.

A principio, o funcionamento da bomba pressurizadora é muito simples: um motor que gira e dá força para a água. A diferença é se ela é acionada manualmente ou com automação. Os sistemas de acionamento automático mais comuns são o fluxostato e pressostato.

Mas qual a diferença entre os dois?

FLUXOSTATO

Esse sistema funciona pelo fluxo de água na rede hidráulica, isso é, quando a torneira ou chuveiro é aberto, o fluxostato detecta o fluxo e dá um comando para a bomba pressurizadora funcionar. Quando interrompida a água, o fluxostato dá um comando para a bomba desligar.

Principais características do Fluxostato:

  • Não pode ser instalado abaixo dos pontos de consumo;
  • Se trata de um equipamento mais simples;
  • Tem maior durabilidade;
  • Mais barato;
  • Precisa de um fluxo e pressão mínima de água para ser acionado;
  • Necessita de menos manutenções;
  • Em caso de pequenos vazamentos não fica acionando;
  • Não pode ser utilizado com boiler.

PRESSOSTATO

Ele é responsável por detectar a pressão da água em toda a rede hidráulica. Resumidamente, todas as vezes que ele detectar que a pressão da água diminuiu, ele vai acionar a bomba, desligando ela assim que a água se estabilizar.
O pressostato é muito mais sensível que o fluxostato, detectando inclusive baixas variações de pressão.

Principais características do Pressostato:

  • Mantém a hidráulica sempre pressurizada;
  • Pode ser utilizado para elevar a água;
  • É um equipamento mais complexo;
  • Água pressurizada de forma instantânea;
  • Pode estar abaixo ou acima dos pontos de consumo;
  • Pode ser utilizada com boilers;
  • Requer mais investimento e mais manutenções.

Como saber qual o mais indicado para você?

O fluxostato é mais recomendado para casas onde a rede hidráulica é antiga, porém ele não consegue pressurizar pontos de consumo acima de seu local de instalação. Já o pressostato mantém a rede hidráulica pressurizada constantemente, se tornando o mais ideal para trabalhar com boilers de alta pressão, não sendo indicado para hidráulica antiga.

Para mais dúvidas fale com um de nossos especialistas clicando aqui, pois a escolha correta, assim como a instalação feita com o especialista, evita problemas e mau funcionamento do pressurizador.

Participe do nosso QUIZ

receba conteúdos exclusivos!